Imprensa

Share page on

Alunos de curso de Pintor contribuem para a preservação do patrimônio de Alvorada de Minas

Turma é formada majoritariamente por mulheres. Curso é promovido pela Anglo American em parceria com o Senai

O curso de Pintor, promovido pela Anglo American em parceria com o Senai no município de Alvorada de Minas, tem atraído a atenção da comunidade por dois fatores – as aulas práticas vêm contribuindo para a preservação do patrimônio público local; e a turma é formada majoritariamente por mulheres.

Dos 14 alunos inscritos, apenas dois são homens. O curso, composto por aulas teóricas e práticas, conta com carga horária de 160 horas/aula e teve início no primeiro semestre de 2011.

Após as aulas teóricas, os alunos passaram a aplicar as técnicas e informações obtidas em sala de aula nos prédios públicos. O primeiro local a passar por uma revitalização foi a sede dos Alcoólicos Anônimos. O local, composto por duas salas e um banheiro, recebeu pintura interna e externa. Os alunos conseguiram, inclusive, praticar a técnica de textura na edificação.

No momento, a turma está promovendo a revitalização da Igreja Nossa Senhora Aparecida, localizada no bairro Fazenda da Mata. A igreja está recebendo pintura interna e externa e os alunos também estão realizando a pintura de todo o madeiramento.

Segundo o instrutor do curso de Pintor do Senai, Geraldo de Matos, os alunos realizam todas as etapas da pintura, passando massa para correção da parede, lixa, selador e, por fim, o acabamento com tinta. Os materiais utilizados nas aulas práticas foram doados pelo Senai, pela Anglo American e pela paróquia.

O curso será concluído no dia 6 de setembro e, na seqüência, os alunos receberão os certificados em uma cerimônia, com data a ser definida.

O Curso Para Comunidade, promovido pela Anglo American em parceria com o Senai, possui foco na construção civil e foi definido após pesquisa realizada na comunidade para saber quais são as principais demandas. O objetivo é qualificar a comunidade para o mercado de trabalho local, seja para as oportunidades que vão surgir em função do empreendimento da Anglo American na região, seja para atuar atendendo à demanda da própria comunidade.

A Anglo American já iniciou a comunicação da formatura desses alunos às empreiteiras que estão trabalhando na implantação do Projeto Minas-Rio, para que, eventualmente, essa mão de obra qualificada possa ser aproveitada.